Ebook SOP Baixe agora o e-book sobre Síndrome dos Ovários Policísticos e entenda tudo sobre essa doença! Clique Aqui!
Ficou com alguma dúvida? Agende sua consulta agora! Clique Aqui!

Prostatite: o que é e como tratar?



"  A próstata é uma glândula pequena exclusivamente masculina localizada próxima à bexiga. Sua principal […]"

por Dr. Augusto Bussab

Prostatite: o que é e como tratar?

 

A próstata é uma glândula pequena exclusivamente masculina localizada próxima à bexiga. Sua principal função é produzir parte do líquido seminal, que ajuda a nutrir e proteger os espermatozoides em seu percurso até o óvulo.

Sendo assim, sua função é de extrema importância para a fertilidade do homem. Quando a próstata está inflamada, como ocorre na prostatite, pode provocar quadro de infertilidade, decorrente de alterações no líquido seminal.

Sendo uma das maiores causas de infertilidade masculina, compreender a doença é importante. Continue a leitura para entender mais sobre a prostatite.

Qual é a causa da prostatite?

A prostatite é uma doença causada por diferentes agentes etiológicos. No entanto, a maioria dos casos é causada por uma infecção bacteriana, sendo as principais bactérias causadoras a Escherichia coli e a Proteus mirabilis.

Não é comum, mas alguns casos de prostatite podem ser causados por lesão na região da próstata ou cirurgia.

Quais os sintomas da prostatite?

A prostatite é uma inflamação da próstata. Quando ocorre a inflamação, há um aumento do seu tamanho, causando dor, queimação ao urinar, febre, entre outros sintomas. A próstata é uma glândula que integra o sistema reprodutor masculino e está localizada logo abaixo da bexiga e na frente do reto. Ela envolve a uretra, um tubo que transporta a urina da bexiga, e, por essa razão, pode provocar determinados sintomas:

  • Febre e calafrios, se for prostatite bacteriana;
  • Jato de urina muito fraco;
  • Presença de gotas de urina na roupa íntima;
  • Sensação de bexiga cheia, mesmo após urinar;
  • Impotência ou dificuldade para manter uma ereção;
  • Dificuldade para começar a urinar;
  • Dor ao ejacular;
  • Dor ao urinar;
  • Vontade frequente de urinar;
  • Sangue no sêmen;
  • Dor na região dos testículos;
  • Dor na região do ânus.

Quais exames identificam a prostatite?

A investigação da prostatite tem início com exames básicos capazes de detectar alterações na próstata, como o exame de sangue PSA e o exame de toque retal.

Caso seja identificada alguma alteração, podem ser solicitados outros exames para um diagnóstico preciso, como:

  • Ultrassonografia para próstata: realizado para avaliar o tamanho da próstata;
  • Medição do jato de urina (urofluxometria): indicado para avaliar o jato de urina com o objetivo de avaliar o quanto se está urinando e medir a quantidade de urina em cada micção;
  • Exame de urina: realizado para descobrir se há micro-organismos que podem estar presentes ou outras alterações, como presença de sangue na urina;
  • Biópsia da próstata: para realizar esse exame, retira-se uma pequena quantidade do tecido da próstata, que é enviado para análise no laboratório – no caso de câncer, esse exame detecta a presença de células malignas.

Como é feito o diagnóstico da prostatite?

O diagnóstico de prostatite é feito levando em consideração os sintomas relatados pelo paciente e os resultados dos exames específicos para investigação da afecção. O diagnóstico preciso é fundamental para a indicação do melhor tratamento.

Prostatite causa infertilidade?

Se não tratada de forma adequada, a prostatite pode provocar quadro de infertilidade no homem. Além de essa doença afetar a fertilidade masculina, a qualidade de vida do homem também fica prejudicada em razão dos sintomas.

Uma vez que a principal função da próstata é a de produzir parte do líquido seminal, que ajuda a nutrir e proteger os espermatozoides, quando se encontra inflamada, pode prejudicar a qualidade dos espermatozoides e reduzir as chances de fecundação e, consequentemente, de gravidez.

Como em qualquer doença, procure um médico imediatamente após notar os sintomas da prostatite.

Qual o tratamento para prostatite?

Após a identificação da causa da prostatite, podem ser prescritos antibióticos para o combate à doença e analgésicos e anti-inflamatórios para alívio imediato dos sintomas causados pela doença.

Se o tratamento medicamentoso não for efetivo, pode ser necessário procedimento cirúrgico.

Em determinados casos, podem ser indicadas técnicas de reprodução assistida, como a fertilização in vitro (FIV).

Gostou do post? Compartilhe nas redes sociais para que outras pessoas também saibam mais sobre a prostatite e procurem auxílio médico rapidamente.

 

Avalie essa postagem!


Deixe um comentário

  Se inscrever  
Notificação de
Próxima leitura
Inseminação artificial: como é feita e quando pode ser indicada?

Com o avanço da tecnologia na medicina, os obstáculos que os casais enfrentavam antigamente quando […]

Ler mais...