Ebook SOP Baixe agora o e-book sobre Síndrome dos Ovários Policísticos e entenda tudo sobre essa doença! Clique Aqui!
Ficou com alguma dúvida? Agende sua consulta agora! Clique Aqui!

Infertilidade conjugal: conheça melhor a condição



"A infertilidade conjugal é uma condição cada vez mais prevalente no mundo. Estudos apontam que entre 10% e 15% dos casais apresentam dificuldades reprodutivas, sendo que tanto a mulher quanto o homem podem ser diagnosticados com algum fator de infertilidade. A estimativa é de que […]"

por Dr. Augusto Bussab

Infertilidade conjugal: conheça melhor a condição

A infertilidade conjugal é uma condição cada vez mais prevalente no mundo. Estudos apontam que entre 10% e 15% dos casais apresentam dificuldades reprodutivas, sendo que tanto a mulher quanto o homem podem ser diagnosticados com algum fator de infertilidade.

A estimativa é de que a quantidade de pessoas inférteis continue aumentando, em razão do estilo de vida contemporâneo — o que envolve sedentarismo, altos índices de obesidade, prevalência elevada de infecções sexualmente transmissíveis (ISTs), consumo habitual de álcool e tabaco e até mesmo o adiamento dos planos de gestação.

No decorrer deste post, abordaremos o que caracteriza a infertilidade conjugal, quais as causas dos problemas de reprodução em homens e mulheres e quais as possibilidades de tratamento. Acompanhe!

O que é infertilidade conjugal?

A infertilidade é caracterizada pela ausência de gravidez, tendo em vista que o casal passe por um ano de tentativas, o que significa manter relações sexuais sem o uso de métodos contraceptivos.

Na busca por acompanhamento especializado em medicina reprodutiva, a infertilidade conjugal é investigada, visto que a causa da dificuldade de concepção pode ser encontrada no homem, na mulher ou em ambos.

Há tempos, a mulher era mais cobrada em relação à capacidade de o casal ter filhos. Hoje, existe mais conhecimento sobre as doenças que afetam o sistema reprodutor masculino e feminino, o que traz a conclusão de que o problema pode estar em qualquer um dos dois.

Quais as causas da infertilidade?

A infertilidade conjugal pode ser causada por diferentes condições. Há diversas doenças que afetam a saúde dos órgãos reprodutores. Portanto, somente uma avaliação minuciosa pode indicar a origem do problema e permitir a definição mais apropriada de tratamento.

Conheça as principais causas da infertilidade conjugal!

Infertilidade feminina

O sistema reprodutor feminino é constituído pelo útero, ovários e tubas uterinas — também conhecidas como trompas de Falópio. Qualquer uma dessas estruturas pode ser afetada por alguma condição clínica que diminua a capacidade reprodutiva da mulher.

Além das doenças que acometem os órgãos reprodutores, outro fator que compromete a fertilidade feminina é a idade da mulher. Após os 30 anos, ocorre um declínio nas funções reprodutivas, incluindo redução da reserva ovariana e queda na qualidade dos óvulos.

Dentre os quadros mais comuns de infertilidade feminina estão:

  • disfunções ovulatórias;
  • endometriose em nível grave;
  • alterações nas tubas uterinas — causadas por ISTs ou outras condições;
  • malformações congênitas no útero;
  • doenças adquiridas, como miomas, pólipos e sinequias;
  • problemas imunológicos;
  • trombofilias.

Infertilidade masculina

Quando a infertilidade conjugal é resultante de fatores masculinos, comumente o quadro está relacionado à uma condição chamada azoospermia — ausência de espermatozoides no líquido seminal. Outros problemas são caracterizados por alterações na morfologia dos gametas ou baixa motilidade.

Em resumo, as principais condições que afetam a produção, a qualidade ou o transporte dos espermatozoides são as seguintes:

  • varicocele;
  • desequilíbrio hormonal;
  • obstrução nos ductos que transportam os gametas;
  • alterações cromossômicas;
  • disfunções sexuais — dificuldades de ereção, ejaculação precoce ou retrógrada;
  • estilo de vida — consumo excessivo de substâncias químicas, uso de esteroides anabolizantes, exposição constante ao calor e radiação etc.

Quais as possibilidades de tratamento?

A conduta terapêutica é determinada de acordo com os problemas identificados. Os tratamentos podem incluir intervenção medicamentosa, procedimentos cirúrgicos ou técnicas de reprodução assistida.

Para chegar à conclusão diagnóstica, diversos exames são solicitados, como dosagens hormonais, ultrassonografia e sorologias. Os homens ainda passam pelo espermograma, por testes de função espermática e, em alguns casos, teste de fragmentação do DNA espermático. Na pesquisa específica da saúde da mulher, podem ser realizados exames como a histerossalpingografia e a histeroscopia.

Fatores como desequilíbrio hormonal, trombofilias e disfunções sexuais podem ser tratados com intervenção farmacológica. Já doenças como varicocele, miomas, pólipos, sinequias e malformações anatômicas, dependendo da gravidade do quadro, devem ser corrigidas com cirurgias. Mudanças no estilo de vida também são medidas recomendadas, incluindo redução de peso e abstenção de hábitos nocivos.

Como a reprodução assistida atua na infertilidade conjugal?

Na reprodução assistida, o tratamento da infertilidade conjugal começa com a avaliação clínica e a realização dos exames necessários. Conforme os diagnósticos, é definida a técnica mais adequada.

Quadros mais brandos podem ser tratados com a relação sexual programada (RSP) ou com a inseminação intrauterina (IIU) — embora esta última seja menos indicada, atualmente. Para essas formas de tratamento, é necessário que a mulher tenha pelo menos uma das tubas uterinas preservadas e boa saúde uterina.

Já a fertilização in vitro (FIV), considerada uma técnica de alta complexidade, é destinada a uma ampla gama de casos de infertilidade, incluindo os fatores mais graves. A FIV é realizada em diversas etapas e requer uma série de procedimentos realizados em laboratório.

Além disso, de acordo com as particularidades de cada paciente, existem várias técnicas complementares que aumentam a eficácia do tratamento.

A infertilidade conjugal, portanto, é uma condição que necessita de acompanhamento especializado para que seja feita uma investigação precisa das causas do problema. Com as diversas possibilidades de tratamento, o casal pode realizar o sonho de ter filhos.

Para entender um pouco mais sobre o tema abordado, leia também nosso texto específico sobre infertilidade feminina e saiba mais detalhes acerca da saúde reprodutiva da mulher!


Deixe um comentário

  Se inscrever  
Notificação de
Próxima leitura
Varicocele pode causar infertilidade?

Ela é a principal causa de infertilidade masculina e pode atingir adolescentes e homens adultos. Estamos falando sobre a varicocele! Clique aqui e descubra a relação entre essa doença e a infertilidade.

Ler mais...