Ebook SOP Baixe agora o e-book sobre Síndrome dos Ovários Policísticos e entenda tudo sobre essa doença! Clique Aqui!
Ficou com alguma dúvida? Agende sua consulta agora! Clique Aqui!

Explicamos a fertilidade feminina em números. Veja aqui!



"Do ciclo menstrual à chance de gravidez em cada idade, a fertilidade feminina envolve muitos […]"

por Dr. Augusto Bussab

Explicamos a fertilidade feminina em números. Veja aqui!

Do ciclo menstrual à chance de gravidez em cada idade, a fertilidade feminina envolve muitos números e cálculos. Afinal, a duração do período fértil e a quantidade de óvulos saudáveis presentes nos ovários são essenciais para que a gravidez tenha mais possibilidades de acontecer.

Mas, para entender tudo sobre isso, não é necessário ter uma graduação em matemática! Basta conferir o nosso post e descobrir como os números da fertilidade feminina são importantes para o planejamento da sua gravidez.

7 milhões

Esse é o número de óvulos produzidos pela mulher durante o seu desenvolvimento fetal, ainda dentro da barriga da sua mãe. No nascimento, esse número já se reduziu significativamente. Ao longo da vida, além de serem liberados para a fecundação, esses óvulos sofrem naturalmente um processo de envelhecimento denominado atresia e vão morrendo. Com a chegada da primeira menstruação, a mulher apresenta apenas 500 mil óvulos e, na época da menopausa, esse número cai para zero.

28 dias

28 dias é a duração média de um ciclo menstrual, mas é normal que esse número varie entre 21 e 35 dias, dependendo do organismo da mulher.

Por convenção, o ciclo se inicia no primeiro dia da menstruação e a ovulação ocorre 14 dias antes do início do próximo ciclo. Levando-se em consideração o tempo de sobrevivência do óvulo e dos espermatozoides dentro do útero, a mulher pode engravidar 3 dias antes da ovulação e 3 dias depois, o que determina seu período fértil a cada mês.

30 anos

A partir dos 30 anos a fertilidade já começa a diminuir, e engravidar vai se tornando cada vez mais difícil. Antes dessa idade, cerca de 80% das mulheres conseguem engravidar naturalmente no período de um ano de tentativas. Aos 40 anos, contudo, essa taxa é de apenas 36%, e aos 45 anos, de 5%.

20%

Essa é a chance que um casal jovem e saudável tem de engravidar a cada ciclo menstrual, mantendo relações frequentes sem anticoncepcional. Apesar desse número parecer baixo à primeira vista, isso significa que 2 em cada 10 casais conseguem engravidar logo no primeiro mês de tentativas e que, ao longo de um ano, 85-90% dos casais são bem-sucedidos.

12 meses

A infertilidade é um problema que pode afetar qualquer casal. Assim, 12 meses é o tempo para que a gravidez ocorra de forma natural sem que o casal seja considerado infértil, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Se após esse período a mulher não conseguir engravidar, é importante que o casal passe por uma avaliação médica para que o problema de fertilidade possa ser identificado e tratado.

Para as mulheres acima de 35 anos, contudo, a OMS recomenda que essa avaliação ocorra após 6 meses de tentativas.

1 óvulo

Embora centenas de óvulos iniciem o processo de maturação todo mês, apenas um deles chega ao final e é liberado pelos ovários para ser fecundado. A exceção a essa regra são os casos de gêmeos bivitelinos (não idênticos), que se originam de dois óvulos distintos liberados em um mesmo ciclo menstrual, o que pode ocorrer em cerca de 5% das gestações.

Gostou de saber um pouco mais sobre os números relacionados à fertilidade feminina? Então compartilhe este post nas suas redes sociais e ajude outras mulheres a ficar por dentro do assunto!

Explicamos a fertilidade feminina em números. Veja aqui!
Avalie essa postagem!


Deixe um comentário

  Se inscrever  
Notificação de
Próxima leitura
Qual o melhor embrião para transferência: D3 ou blastocisto?

A fertilização in vitro (FIV) é atualmente a principal técnica de reprodução assistida indicada para casais que encontram […]

Ler mais...